Rondônia confirma primeira morte por gripe suína

O Comitê de Enfrentamento contra a Gripe Influenza A do Governo de Rondônia confirmou hoje a primeira morte pela nova gripe no Estado e na Região Norte do país. A vítima era um jovem, de 23 anos, que morreu na segunda-feira. Segundo a presidente do Comitê, Mirlene Moraes de Souza, o resultado positivo para a doença, constatado pelo Laboratório Adolfo Lutz, de São Paulo, chegou na tarde de ontem ao hospital.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

13 Agosto 2009 | 09h19

O jovem morava no interior do Estado e foi atendido com os sintomas de broncopneumonia no Hospital Regional. Com o agravamento do quadro de saúde, ele foi transferido para o Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron) no dia 31 de julho, onde permaneceu internado na UTI. O Estado de Rondônia já encaminhou ao Adolfo Lutz 25 amostras de casos suspeitos de gripe suína. Deste total, nove já retornaram. Dois foram confirmados e sete tiveram resultado negativo.

Mais conteúdo sobre:
gripe suínaBrasilRondônia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.