Serra: nem todos precisam da vacina para febre amarela

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), afirmou hoje que a vacina contra febre amarela só deve ser tomada quando necessário. Em entrevista concedida à Rádio BandNews FM, Serra declarou que "a vacina só é fundamental para quem está se dirigindo a regiões de risco como florestas ou ambientes com presença de macacos."Segundo o governador, o estoque da vacina está limitado, o que, porém, não deve causar desespero na população. "A quem não for sair de São Paulo, ou mesmo for viajar para regiões que não são de risco, não é necessário se vacinar." Serra disse, ainda, que quando foi ministro da Saúde, pensou em vacinar toda a população brasileira, mas foi desaconselhado por sanitaristas. "Uma em cada 100 mil pessoas que toma essa vacina pode apresentar reações adversas, até morte, por isso não convém abusar da vacina."

CARINA URBANIN, Agencia Estado

16 de janeiro de 2008 | 20h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.