Publicidade

Publicidade

Receitas
Quatro fatias de pão italiano, com recheio de queijo, tomate e azeitonas, estão servidas em uma tábua de madeira. Na tábua, também há pedaços de azeitonas pretas e folhinhas de manjericão. Ao fundo, um filão inteiro está disposto numa tábua rústica. É possível notar ainda um queijo amarelo já cortado e dois tomates. Todos os itens estão numa mesa de madeira acinzentada.Pão italiano recheado Foto: Padaria Carillo
Por Redação Paladar

Pão com recheio de pizza

Com azeitonas e mussarela, esse pão caseiro recheado de pizza pode ser uma opção até para o café da manhã

DificuldadeFácil
Tempo de preparoReserve um tempinho
Rendimento3 porções
Todo mundo adora acordar com cheiro de pão caseiro, ir para a cozinhar e passar uma manteiga no pão de padaria quentinho, não é mesmo? Mas que tal você preparar o seu próprio pão italiano caseiro? Recheado com um delicioso mix de de pizza caseira, a massa é bem fácil de fazer e pode ser degustada no café da manhã, no jantar ou até naquele café da tarde descontraído. A Padaria Carillo ensina o passo a passo de como fazer esse delicioso pão caseiro com recheio de pizza. A receita é super fácil e depois que você aprender nunca mais vai esquecer. Confira!

Ingredientes

Massa
  • 300 g de farinha de trigo
  • 7 g de sal
  • 3 g de fermento biológico fresco
  • 200 ml de água
Recheio
  • 200 g de mussarela
  • 30 g de azeitonas
  • 1 tomate picado
  • Azeitonas pretas
  • Folhas de manjericão

Preparo

  • 1.Misture todos os ingredientes da massa e deixe descansar por 40 minutos.
  • 2.Faça uma dobra na massa e deixe descansar por mais 40 minutos.
  • 3.Abra a massa em formato de triângulo e recheie com os ingredientes.
  • 4.Enrole fazendo uma baguete e deixe descansar por 20 minutos.
  • 5.Coloque no forno a 200 graus e asse por 40 minutos.
  • 6.Quando o pão estiver pronto, retire do forno ainda quente e recheie com os ingredientes.
  • 7.Volte o pão para o forno por poucos minutos, apenas para o recheio derreter.
  • 8.Retire e sirva.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.