Foto do(a) blog

Notícias e artigos do mundo do Direito: a rotina da Polícia, Ministério Público e Tribunais

Promotoria no Rio prende 13 PMs do ‘setor Alfa’ por extorsão e propinas

Operação conjunta do Ministério Público e da Corregedoria da Polícia Militar desmonta organização criminosa instalada no quartel do 39º Batalhão em Belford Roxo, na Baixada Fluminense; um PM ainda não foi capturado pelos agentes

PUBLICIDADE

Foto do author Pepita Ortega
Por Pepita Ortega
Atualização:

A Corregedoria da Polícia Militar e agentes da inteligência do Ministério Público do Rio de Janeiro foram às ruas nesta terça-feira, 14, para prender 14 PMs denunciados por cobrarem propina de comerciantes e mototaxistas, além do desvio de drogas e armas apreendidas em diligências. Até o momento, 13 alvos foram capturados.

PUBLICIDADE

Segundo a Promotoria, os crimes foram descobertos após a análise das informações contidas no celular de de um outro PM, acusado de duplo homicídio - Julio Cesar Ferreira dos Santos que é réu perante a 1ª Vara Criminal de Belford Roxo.

Com base nos dados, o MP diz ter identificado uma ‘verdadeira organização criminosa por parte de PMs lotados no Setor Alfa’ do 39º Batalhão da Polícia Militar. Os crimes teriam sido cometidos entre 2019 e 2020.

Segundo a denúncia, o grupo não só cobrava valores de comerciantes e mototaxistas, mas também é suspeito de peculato, com a apreensão e posterior desvio de drogas, armas de fogo, aparelhos celulares e peças de veículos.

Apreensão de armas em operação para prender PMs investigados por corrupção e peculato no Rio Foto: MPRJ
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.