1. Usuário
Geral
Assine o Estadão
assine


Vulcão de lama em Java pode continuar em erupção por anos

Agencia Estado

24 Janeiro 2007 | 17h 30

O primeiro relatório científico sobre as causas e conseqüências do aparecimento de Lusi, o vulcão de lama que irrompeu na Indonésia em 2006, conclui que a erupção continuará a emitir entre 7.000 e 150.000 metros cúbicos de lama ao dia pelos próximos meses, talvez anos. Pelo menos 10 km2 ao redor da abertura ficarão inabitáveis e cerca de 11.000 pessoas terão de procurar um novo lugar para viver. O artigo descrevendo a situação é de uma equipe da Universidade de Durham, no Reino Unido, e será publicado na edição de fevereiro do periódico GSA Today, da Sociedade Geológica dos Estados Unidos. O trabalho afirma que a erupção foi, quase que certamente, provocada por ação humana, causada por perfurações em busca de gás natural. A mesma explicação já havia sido sugerida por um relatório elaborado pelas nações Unidas. O vulcão de lama está em erupção contínua há mais de 230 dias, destruindo obras de infra-estrutura, quatro vilas e 25 fábricas. O fenômeno teve início em 29 de maio de 2006, no leste de Java, perto da cidade de Surabaya. A equipe que realizou o estudo atual acredita que a região em torno da abertura principal do vulcão cederá, dando origem a uma cratera.

  • Tags: