PUBLICIDADE

Chefe de monitoramento árabe renuncia, enviado sírio é indicado

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

A Liga Árabe aceitou a renúncia do general sudanês que liderava uma missão de monitoramento árabe para a Síria e propôs nomear um ex-ministro de Relações Exteriores da Jordânia como enviado especial para a crise síria, divulgou a agência estatal de notícias do Egito neste domingo. Abdel Elah al-Khatib, o ex-ministro jordaniano e enviado da ONU para a Líbia, foi proposto como enviado especial à Síria pelo chefe da Liga Árabe, Nabil Elaraby, durante um encontro ministerial no Cairo, relatou a agência. Ele também aceitou a renúncia de Mohammed al-Dabi, o general que liderava a missão de observação na Síria e que entregou sua renúncia para os ministros em reunião no domingo. (Texto de Edmund Blair)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.