PUBLICIDADE

Conexões voltam a Congonhas; aeroportos estão tranqüilos

Um dos mais movimentados do Brasil, Congonhas teve escalas proibidas depois do acidente do Airbus da TAM

Por Cesar Bianconi
Atualização:

Os aeroportos brasileiros operam neste domingo, 16, sem problemas e com índices normais de atrasos e cancelamentos. O aeroporto de Congonhas,voltou a operar com escalas e conexões, proibidas desde julho do ano passado e  poderá ainda voltar a receber vôos charters, mas apenas nos fins de semana.   De acordo com informações da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), dos 373 vôos previstos em todo o País até 9 horas, 16 (ou 4,3%) registravam atraso e outros 8 (2,1%) foram cancelados. Em São Paulo, o aeroporto de Congonhas, que voltou hoje a operar com escalas e conexões, tinha apenas um vôo atrasado e outro cancelado, de 26 programados.   O aeroporto de Congonhas, um dos mais movimentados do Brasil, teve conexões e escalas proibidas em agosto do ano passado, pouco depois do acidente envolvendo um Airbus da TAM, em julho, que deixou 199 mortos. Em janeiro último, o governo federal recuou de medidas que apresentou como essenciais para evitar o caos aéreo e garantir a segurança dos passageiros, autorizando conexões e escalas em Congonhas a partir de 16 de março.   No aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos, dos 65 vôos previstos até 9 horas nenhum havia sido cancelado e três estavam atrasados, segundo a Infraero.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.