PUBLICIDADE

Justiça liberta quatro controladores de vôos em Manaus

Por Liege Albuquerque
Atualização:

Foram soltos no final da tarde de quarta-feira, 3, quatro controladores de tráfego aéreo presos desde o dia 14 de agosto em Manaus. No dia 21 de setembro, outros dois já haviam sido soltos pela Justiça Militar e, em 29 de agosto, outro já havia sido libertado. Os sete tenentes soltos tiveram a prisão preventiva revogada, mas continuam respondendo a processo na Justiça Militar, acusados de incitamento à greve branca no Cindacta-4 no dia 30 de março. Segundo o advogado dos controladores, João Thomas Luchsinger, os sete controladores estão agora em suas casas à disposição da Justiça Militar, sem poder sair do Estado do Amazonas. Em até dez dias, o advogado irá reunir as testemunhas de defesa solicitadas pela Justiça.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.