PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

Minicontos e Minicrônicas

Feliz ano velho

Feliz ano velho. Isso mesmo, Feliz 2014.

Por carloseduardogoncalves
Atualização:

2015 vai ser um fio descascado, encrencado, difícil, tortuoso, "desafiador". Desafiador é meio ridículo, mas anda sendo bem usado -- abusado? Vai ser uma naba -- naba é bem melhor.

PUBLICIDADE

Na economia, bem, a coisa tá meio pretóide. Não existe, claro, mas preta é desgastado. Quero escrever diferente. Por quê? Explico: juros nos EUA vão subir, complicando o financiamento de nosso déficit externo grandinho, de 4% do PIB. Do outro lado, China e Europa -- com quem fazemos muito mais comércio do que com os EUA -- crescem menos e não devem ser sair do buraco logo. As commodities que vendemos, por diversos motivos, estão em baixa.

Xi...

O ministro novo é bão, inteligente, rápido, bem formado, fala inglês, gosta de ler. É neoclássico ! Mas isso não basta, o apoio que vem de cima parece frágil, chocho, murcho, exangue, de curta duração. Posso estar errado -- tomara. E o Congresso, necessário parceiro para aprovação de medidas na área da economia, vai estagnar, afundado no lodo do Petrolão -- pretóide. Politicamente, escândalos de corrupção dificultam corte de gastos e alta de impostos -- "por que logo eu devo pagar a conta se andam roubando tanto por aí?".

Segura essa, Joaquim.

Publicidade

Minhas poucas economias saíram da Bolsa, apertei um botão e: zás, direto para os fundos DI. Já tinha comprado uns dólares (poucos), vai dar pra dar um pulinho no exterior. Se deixarem, acho que fico por lá...

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.