Publicidade

Disputa por BR-101 tem oito concorrentes

Por SILVANA MAUTONE E FERNANDA GUIMARÃES

O leilão da BR-101 entre o Espírito Santo e a Bahia tem oito concorrentes. As propostas, entregues na última segunda-feira (16), serão abertas a partir das 10h00, quando começará o leilão na sede da BM&F Bovespa, em São Paulo.A Agência Estado apurou o nome de seis dois oito concorrentes: OHL (representado pelo Santander), EcoRodovias (Citibank), Triunfo (Planner), a espanhola Isolux em parceria com a Engevix (não informou qual corretora), o Grupo Invepar em parceria com a OPT, o braço de transportes da Odebrecht (Flow) e CCR (Mundinvest).Vencerá o leilão quem oferecer a menor tarifa. O governo estabeleceu a tarifa-teto de R$ 0,06237 por quilômetro. De acordo com as regras do edital, em caso de empate entre um concorrente brasileiro e um estrangeiro, terá preferência para a empresa nacional. Se duas companhias brasileiras empatarem ao oferecer a menor tarifa, a definição da vencedora será feita por meio de sorteio.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.