PUBLICIDADE

Publicidade

Despedida de Paulinho no Corinthians tem roda de aplausos, volta olímpica e lágrimas; veja vídeos

Ídolo do time alvinegro teve a sua saída confirmada pelo clube no início desta semana

PUBLICIDADE

Por Gabriel Batistella
Atualização:

Após o Corinthians garantir a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana, ao vencer o Racing do Uruguai por 3 a 0, nesta terça-feira, o volante Paulinho recebeu homenagens dos companheiros de time e da torcida a Neo Química Arena. O ídolo corintiano, campeão do Brasileiro, da Libertadores e do Mundial, deu volta olímpica no estádio, recebeu aplausos dos companheiros no centro da gramado e chorou bastante com as homenagens.

A equipe alvinegra confirmou no início desta semana a saída do volante de 35 anos, que vivia sua segunda passagem pelo Parque São Jorge. Durante o jogo diante dos uruguaios, o meio-campista entrou aos 33 minutos do segundo tempos sob aplausos do público.

Paulinho se despede do Corinthians após partida contra o Racing do Uruguai Foto: Rodrigo Coca/ Corinthians

PUBLICIDADE

Emocionado, Paulinho falou sobre o carinho que recebeu dos companheiros e dos torcedores. “Não teria coisa melhor que sair desse maravilhoso ambiente, maravilhoso estádio, diante dessa torcida, que já falei diversas vezes e não vou cansar de repetir: é a melhor do mundo. É uma despedida no sentido de gratidão, é a palavra que vou utilizar dentro desse clube, da cultura corintiana. Gratidão pelo carinho, pelo respeito, pelo respeito e o amor, o respeito e a lealdade que eu tive nesses anos todos com a camisa do Corinthians e o torcedor. Eles sabem que tem um torcedor corintiano com o sangue corintiano”, disse o jogador após a partida.

Ainda com o futuro incerto, o jogador também falou quais serão os próximos passos no futebol. “Futuro não tenho nada certo. Falaram que eu estava saindo para algum lugar. Não tenho proposta nenhuma. Sentei algumas vezes com a direção para ver o que seria a melhor coisa para os dois. Ainda não tenho nada em mente. Vou deixar para a semana que vem”, completou.

Paulinho esteve em campo pelo Corinthians em 218 oportunidades, com 108 vitórias, 59 empates e apenas 51 derrotas. Foram quatro títulos e 40 gols, marcados, o mais importante, segundo o atleta, saiu na vitória sobre o Vasco, por 1 a 0, no Pacaembu, pelas quartas de final da Libertadores. O jogo em questão ainda teve a defesa emblemática de Cássio no chute de Diego Souza.

Além da Libertadores de 2012, Paulinho conquistou um Paulistão (2013), um Brasileirão (2011) e um Mundial (2012). O volante ficou no Corinthians, após boa passagem pelo Bragantino, entre os anos de 2010 e 2013. Saiu para o Tottenham. Jogou também no Guangzhou Evergrande, da China, Barcelona, e Al-Ahli, da Arábia Saudita. Voltou em 2022, mas sofreu com lesões e não conseguiu se firmar. Mesmo assim, mandou um recado para os jogadores que permanecerão no clube. Veja nos vídeos abaixo as homenagens da torcida para o jogador.





Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.