Publicidade

Flamengo joga cheio de desfalques

PUBLICIDADE

Por Agencia Estado
Atualização:

Se o Flamengo vencer o América neste sábado, às 16 horas, em Édson Passos, ficará muito perto do título da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca. O time tem quatro pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Vasco, e depois, dependerá apenas de uma vitória sobre o Olaria, na próxima quarta-feira, para sagrar-se campeão com uma rodada de antecedência. Mas alguns desfalques podem atrapalhar as pretensões do técnico Evaristo de Macedo. Os laterais Alessandro e Athirson, o zagueiro Fernando e o meia Fábio Baiano, todos suspensos, não defenderão o Flamengo neste sábado. De todos eles, Athirson é a ausência mais preocupante. Ele tem sido o destaque do time e já marcou cinco gols - dois a menos que o artilheiro Petkovic, do Vasco -, além de ser peça importante na organização das jogadas de ataque do Flamengo. "O Athirson faz falta, mas tenho certeza que o Ânderson vai entrar na partida e corresponder às nossas expectativas. Confio nele", disse Evaristo de Macedo. O treinador ressaltou que não só os desfalques, mas o fato de o América estar lutando para fugir do rebaixamento, dificultarão o trabalho Flamengo neste sábado. Nos lugares de Alessandro e Fernando entram Édson e André Dias, respectivamente. No meio-de-campo, Evaristo não definiu o substituto de Fábio Baiano. Disputam a posição Fabiano Cabral, Andrezinho e Felipe Mello, com uma leve vantagem para este último. O goleiro Júlio César frisou que o Flamengo não pode se acomodar caso vença esta partida ou, até mesmo, conquiste o título da Taça Guanabara. "No futebol, temos que estar sempre mostrando disposição. Às vezes, você acha que vai ganhar e acaba perdendo", afirmou o jogador. No América, a expectativa da diretoria do clube é pela presença de um bom público no estádio de Édson Passos. O time jogou duas vezes em casa este ano e saiu-se bem: venceu o Fluminense e o Madureira. Uma vitória livra a equipe do risco do rebaixamento.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.