Publicidade

Jefferson revela sonho com título como capitão do Brasil

Por Paulo Galdieri
Atualização:

A seleção brasileira pode alcançar nesta quarta-feira o seu segundo título da era Mano Menezes. Para isso, precisa apenas empatar com a Argentina, fora de casa, em Resistência, para ficar com a taça do Superclássico das Américas, competição amistosa que também venceu no ano passado.Se o Brasil conquistar o título, quem terá a honra de levantar o troféu, pela primeira vez na carreira na seleção, será Jefferson, o capitão da equipe formada apenas por atletas que atuam no País. "Todo capitão sonha com título porque sabe que vai levantar a taça", ressaltou o goleiro do Botafogo, nesta segunda-feira, em entrevista coletiva.Jefferson sabe que o posto de líder do elenco do Brasil dá a ele um novo status. "Ser capitão é uma responsabilidade muito grande. Percebi isso com as pessoas falando nas ruas", contou.Titular da seleção principal em boa parte da era Mano Menezes e seguidamente convocado, Jefferson admite que a faixa de capitão acabou sendo algo natural neste grupo. "O que mais me deixou feliz é que todos os jogadores respeitaram a decisão do Mano e me reconheceram como capitão. Se vier esse título, a gente vai compartilhar com todos", disse ele.SEM BOLA - O elenco se apresentou ao técnico Mano Menezes nesta segunda-feira, no Centro de Treinamento do Corinthians, no Parque Ecológico, zona leste da capital paulista. Durante a tarde, o grupo fez apenas um trabalho de recuperação física, utilizando a piscina do local.Os jogadores só treinam no campo na manhã desta terça-feira, também no CT do Corinthians. Depois, viajam à tarde para Resistência, na Argentina.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.