PUBLICIDADE

Veja vídeo: jogador é atingido por raio em jogo na Indonésia e morre; em 1983, Palmeiras é atingido

Outro atleta do time também sofre com a descarga elétrica neste sábado, mas não tem ferimentos; equipe palmeirense é atingida durante treino no antigo Palestra Itália; relembre

Por Sergio Neto
Atualização:

Um trágico incidente ocorreu durante uma partida amistosa entre o 2 FLO FC Bandung e o FBI Subang, no Siliwangi Stadium, em Bandung, na Indonésia, no sábado. Um raio atingiu um jogador de futebol, que acabou não resistindo à descarga elétrica e morreu. As imagens registraram o momento exato em que o jogador, de 34 anos, desabou no gramado após ser atingido pelo raio. O vídeo mostra o exato momento em que o raio atingiu o gramado, ao lado do atleta, que desmaiou na hora.

Apesar dos esforços dos socorristas, e de alguns companheiros de time, e de ser levado ao hospital imediatamente, não foi possível salvar o jogador. O vídeo também mostra outro atleta sendo afetado pelo raio, esse um pouco mais longe de onde ele caiu. O jogador sair sem ferimentos.

PUBLICIDADE

O trágico evento marca o segundo incidente envolvendo jogadores de futebol atingidos por raios na Indonésia nos últimos 12 meses. No ano passado, um jovem jogador de Bojonegoro também foi atingido durante a Copa Soeratin Sub-13, sofrendo uma parada cardíaca no gramado.

Ele foi rapidamente transportado para o Hospital Ibnu Sina, onde recebeu tratamento médico e recuperou a consciência após cerca de 20 minutos desacordado.

Jogador morre após ser atingido por raio na Indonésia Foto: Reprodução/X @Githii

Antes mesmo do raio cair, foi possível “prever” o incidente com algumas situações. Algumas pessoas relataram nas redes sentir os pelos da pele se arrepiando. Outras tiveram sensação de formigamento na pele. Até um gosto metálico dentro da boca surgiu como “anúncio” do que estaria por vir. Esses sinais significam que o campo elétrico ao redor é muito forte e um raio pode estar prestes a cair.

Caso uma pessoa note algum desses sintomas, é crucial ir imediatamente para um local seguro, como um ambiente fechado ou para dentro de um carro, protegido pelos pneus de borracha, um isolante para a eletricidade. Os relâmpagos são imprevisíveis, por isso é necessário cuidado ao ouvir trovões.

Este não foi um incidente isolado da Indonésia. No ano passado, durante um jogo da Copa do Sul do Paraná, no Brasil, um jogador brasileiro de 21 anos, Caio Henrique de Lima Gonçalves, também foi atingido por um raio enquanto estava em campo. Apesar de ter sido levado às pressas para o hospital após desmaiar, ele não sobreviveu. Neste mesmo episódio, outros seis jogadores em campo também foram atingidos, mas não vieram a óbito.

Publicidade

Acervo Estadão

Em 1983, o Palmeiras foi derrubado no gramado. Um raio atingiu o time durante um treino. Jogadores e técnico foram atingidos por forte carga elétrica. O jogador Carlos Alberto Borges precisou ser reanimado pelo médico. Aconteceu no tempo em que os treinos do Palmeiras eram realizados no próprio campo de jogo, no Parque Antártica, atual Allianz Parque. O treino matinal de quinta-feira em 15 de setembro de 1983 ia começar quando um raio atingiu o campo e quase todos que estavam no gramado foram ao chão. Leia reportagem de Edmundo Leite no Estadão.

O que fazer quando um raio cai

Raio mata banhista em Praia Grande: quantos morrem no Brasil? Onde há mais casos? Como se proteger? Óbitos ocorrem principalmente na primavera, verão e outono. De 2013 a 2022, ao menos 835 pessoas perderam a vida por raios no Brasil, média de 83,5 mortes por ano. O país é campeão mundial em incidência de raios, com cerca de 78 milhões de descargas todo ano, segundo estudo do Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Veja reportagem completa sobre o assunto.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.