PUBLICIDADE

Jorge Jesus mantém mistério sobre escalação do Flamengo diante do Goías

Técnico não divulgou se Diego, Everton Ribeiro e Rafinha participarão do jogo válido pelo Campeonato Brasileiro

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação

O técnico Jorge Jesus realizou mais uma sessão de treinos fechados neste sábado e manteve as dúvidas em relação à escalação que vai a campo neste domingo, no jogo contra o Goiás, válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, no Maracanã.

Depois do empate em 1 a 1 com Athletico-PR, no confronto de ida das quartas de final da Copa do Brasil em Curitiba na última quarta-feira, o português não deu pistas sobre que jogadores poderiam ser poupados na volta à competição de pontos corridos após a pausa de quase um mês para a Copa América.

Jorge Jesus não definiu o time do Flamengo que vai enfrentar o Goiás na reestreia do Campeonato Brasileiro, neste domingo, às 11h Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

PUBLICIDADE

Assim, não se sabe ainda se atletas como Diego e Everton Ribeiro, tidos como titulares, mas que iniciaram o compromisso do meio de semana no banco de reservas por questões físicas, começarão a partida deste domingo. Tampouco há certeza se o lateral-direito Rodinei dará lugar ao recém-contratado Rafinha, que tinha estreia especulada no jogo em gramado sintético contra os paranaenses, mas acabou sendo preterido.

Fora de campo, a expectativa da torcida está em torno da chegada dos dois reforços anunciados nesta semana, o meia Gerson, de 22 anos, que pertencia à Roma, e o zagueiro espanhol Pablo Marí, 25, que estava no Deportivo La Coruña e chega do Manchester City, clube que detinha os seus direitos federativos.

Ambos são aguardados para desembarcarem juntos em voos vindo da Europa no Rio ainda neste sábado e devem ser apresentados durante a partida contra o Goiás. Para o confronto do Campeonato Brasileiro, marcado para o horário das 11h deste domingo, a expectativa é de casa cheia. Na última parcial de ingressos vendidos, restavam disponíveis apenas 363 bilhetes, o que deve resultar em um público de aproximadamente 58 mil pagantes para o embate.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.