PUBLICIDADE

Publicidade

Luxemburgo fará trabalho especial com Willians

Técnico espera melhorar o chute e dar ainda mais velocidade ao novo atacante do Palmeiras

Por Juliano Costa
Atualização:

SÃO PAULO - Atacante franzino, habilidoso e driblador, mas que tem sérias dificuldades na finalização. Essa descrição já se aplicou a Robinho em começo de carreira. No Santos, ele corria, pedalava, criava chances de gol e as desperdiçava. Foi quando Vanderlei Luxemburgo resolveu colocá-lo em um "intensivão" para aprender a chutar. O resto da história todo mundo já conhece. Veja também: Vanderlei Luxemburgo se mostra irritado e dá bronca em Lenny   Paulistão 2009 - Tabela e classificação Confira as novidades do mercado do futebol  Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Guardadas as devidas proporções, Luxemburgo acha que pode fazer o mesmo com Willians. Nos três primeiros jogos dele no Palmeiras, a torcida já percebeu que velocidade e habilidade não faltam ao ex-jogador do Vitória. Mas o chute a gol ainda precisa melhorar bastante. "Já detectamos essa deficiência nele e vamos começar um treinamento específico com o (auxiliar) Júnior Lopes. Você vê que o Willians chega bastante ao gol, mas tem dificuldade diante do goleiro", disse Luxemburgo. O segredo, segundo o técnico, não é força. É jeito. "Ele tem de aprender a posicionar o corpo e esperar a definição do goleiro." Além de Robinho, Valdivia é outro que já passou pelo "intensivão de finalizações" de Luxemburgo. O meia chileno fez 10 gols sob o comando do técnico Caio Júnior durante todo o ano de 2007, mas marcou 14 só no primeiro semestre de 2008, já com Luxemburgo no cargo. Willians espera alcançar esse sucesso também. Ele reconhece que a finalização é seu maior problema. "Fiz só três gols pelo Vitória no ano passado. É muito pouco para um atacante. Preciso melhorar bastante", admitiu.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.