Publicidade

Resumo do Pan 2023: Brasil tem dia dourado no boxe e no vôlei de praia

País conquista quatro ouros no boxe; duplas brasileiras vencem torneios de vôlei de praia

PUBLICIDADE

Foto do author Róbson Martins
Por Róbson Martins
Atualização:

Bia Ferreira foi bicampeã dos Jogos Pan-Americanos em Santiago 2023, no Chile. A baiana venceu Angie Valdes na categoria até 60kg do boxe nesta sexta-feira, 27. As pugilistas Caroline Almeida, Jucielen Romeu e Barbara Santos também foram soberanas no ringue e conquistaram o ouro em suas respectivas categorias.

Na final do vôlei de praia, Ana Patrícia e Duda subiram ao topo do pódio após derrotarem a dupla canadense, enquanto André e George ganharam o torneio masculino sobre os cubanos. Além disso, atletas do País ainda atuaram em provas do beisebol e basquete.

Veja os destaques brasileiros do dia:

Bia Ferreira é bicampeã pan-americana de boxe em Santiago. Foto: Ivan Alvarado/Reuters

Boxe

PUBLICIDADE

Bia Ferreira repetiu o resultado de Lima 2019 e se sagrou bicampeã dos Jogos Pan-Americanos. A boxeadora baiana confirmou o favoritismo, vencendo por unanimidade (5 a 0) a colombiana Angie Valdes na categoria até 60kg feminina do boxe. Depois da luta, ela anunciou a aposentadoria após Paris 2024.

“Missão dada é missão cumprida. Classifiquei e, de brinde, peguei o ouro”, brincou Bia Ferreira. “Estou muito feliz. Jogos Olímpicos já estão aí e eu quero pegar a mãe de todas, a (medalha) dourada. Meu último ciclo (como lutadora amadora), era para ser em Tóquio, mas fui desafiada, um ciclo menor (três anos até Paris). Quis repetir as competições, trazendo ouro novamente, e está dando tudo certo. Acredito que lá em Paris vou estar no pódio e brigando pelo ouro”, previu.

E não parou por aí. As brasileiras Caroline Almeida (50kg), Jucielen Romeu (57kg) e Barbara Santos (66Kg) dominaram as oponentes e também conquistaram as suas medalhas de ouro nesta sexta-feira.

Caroline Almeida conquista o ouro na categoria até 50kg feminina do boxe. Foto: Ivan Alvarado/Reuters

Tatiana Chagas (54kg), Keno Marley (92kg) e Wanderley Pereira (80kg) foram superados pelos adversários nas finais, mas garantiram a prata. Já Abner Teixeira (+92kg) e Michael Trindade (51kg) foram poupados por conta de lesões e nem sequer subiram ao ringue.

Vôlei de praia

Ana Patrícia e Duda derrotaram as canadenses Melissa e Brandie por 2 sets a 0 (parciais de 22/20 e 21/18) e levaram o ouro no vôlei de praia. Por sua vez, a dupla André e George ganhou o título do torneio masculino sobre Alayo e Diaz, de Cuba. O placar terminou em 3 a 1 (21/12, 19/21 e 15/13).

Publicidade

Beisebol

O Brasil perdeu a primeira no beisebol. Já classificada para a final contra a Colômbia, a seleção entrou em campo para cumprir tabela e acabou sendo derrotada pelo México por 5 a 1. A decisão acontece neste sábado, 28, às 15h (de Brasília).

Garantido na final do beisebol, Brasil perde para o México. Foto: Luisa Gonzalez/Reuters

Basquete

A seleção do Brasil dominou a Colômbia a partir do segundo quarto, ganhou por 78 a 57 e avançou às semifinais do basquete feminino de maneira invicta. As brasileiras já haviam batido o México e a Venezuela durante a competição.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.