Mesa quebra no parto e bebê morre com a queda

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

SALVADORUm recém-nascido morreu de traumatismo craniano na tarde do domingo, depois que a mesa cirúrgica na qual foi realizado o parto quebrou, em Porto Seguro, sul da Bahia. A mãe da criança, Alcione Teixeira, de 28 anos, também ficou ferida na ocasião. Segundo o Hospital Luís Eduardo Magalhães, onde tudo aconteceu, ela teve traumatismo no púbis e ferimentos em uma das pernas. Alcione recebeu alta ontem. De acordo com o hospital, Alcione deu entrada na unidade médica por volta das 6 horas do domingo, mas somente à tarde entrou em trabalho de parto. Durante o nascimento da criança, a mesa em que a mãe estava quebrou e a criança caiu, tendo morte instantânea. Ela contou à polícia que um dos médicos que participavam do parto chegou a alertar sobre a fragilidade da mesa por causa do peso da grávida, de aproximadamente 100 quilos. A equipe, no entanto, teria optado por seguir com o parto. Depois que a mesa quebrou, os procedimentos continuaram no chão, apesar de o bebê já estar morto.De acordo com nota do hospital, Alcione está com boa saúde, embora se queixe de dores nas pernas e esteja abatida com a perda inesperada do filho.A unidade informou que a mãe do bebê continuará recebendo acompanhamento psicológico e tratamento ortopédico devido às lesões. Perícia. Anteontem, policiais civis estiveram no hospital para a realização de perícia e para recolher peças da mesa cirúrgica quebrada. A diretoria da unidade médica afirma que os equipamentos costumam passar por checagem técnica e que a mesa cirúrgica que quebrou havia passado por uma vistoria no início do mês e não apresentava qualquer defeito. Alcione fará exame de lesão corporal e prestará depoimento formal na delegacia hoje. Além dela, duas pessoas que trabalharam no parto também serão ouvidas. / ELIANA LIMA, ESPECIAL PARA O ESTADO

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.