Conselho de Segurança fará reunião de emergência sobre Coreia do Norte

A pedido dos EUA, órgão máximo da ONU discutirá nesta quarta-feira o lançamento de um míssil balístico intercontinental por Pyongyang

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

NOVA YOR- A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, pediu nesta terça-feira, 4, uma reunião urgente do Conselho de Segurança para abordar o lançamento de um míssil balístico intercontinental pela Coreia do Norte hoje (hora local).

O porta-voz da missão dos EUA na ONU, Jonathan Bachtel, informou sobre o pedido no Twitter, afirmando que a reunião foi marcada para esta quarta-feira. Além disso, Nikki pediu ao embaixador da China na ONU, Liu Jieyi, que preside o Conselho de Segurança neste mês, que mantenha a sessão de emergência aberta.

A embaixadora dos EUA na ONU, Nikki Haley, apresenta credenciais à organização Foto: REUTERS/Mike Segar

PUBLICIDADE

Os EUA confirmaram hoje que o projétil lançado pela Coreia do Norte era um míssil balístico intercontinental, o primeiro com essas características que Pyongyang consegue lançar com sucesso.

O míssil voou por mais tempo do que todos os outros testados pelo regime de Kim Jong-un até então, um total de 37 minutos, o que significa que agora a Coreia do Norte é capaz de atacar o Alasca.

O Pentágono segue investigando o lançamento para divulgar uma análise mais detalhada sobre o teste, o 11º realizado pela Coreia do Norte desde o início do ano. / EFE

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.