Ativistas sobem em avião em ato contra obras em aeroporto

Greenpeace tenta impedir construção da terceira pista em Heathrow; oposição reclama de barulho e poluição

Agências internacionais,

25 Fevereiro 2008 | 09h37

Quatro ativistas do Greenpeace subiram em uma aeronave da British Airways no aeroporto de Heathrow, em Londres, para protestar contra os planos da construção da terceira pista no local, segundo afirmou o grupo nesta segunda-feira, 25. Foto: AP Dois homens e duas mulheres levavam uma faixa dizendo "emergência climática - não a terceira pista". Eles esperaram os passageiros do Boeing 777, vindo de Manchester, desembarcarem antes de invadirem o terminal e subir na fuselagem. "Estou neste avião porque nosso planeta e as pessoas que vivem nele estão em perigo", disse Anna Jones, 27, à CNN. "Nossos podemos até ter exposto uma brecha na segurança de Heathrow, mas não tão grande como a do primeiro-ministro Gordon Brown em suas políticas contra a mudança climática", disse Sarah Shoraka, outra manifestante, questionando porque vôos entre Manchester e Londres são necessários se um trem é viável para o trajeto. "A implantação de uma terceira pista está sendo motivada por uma total falta de necessidade causada por vôos como esse".  Opositores reclamam do impacto ambiental, do barulho, da poluição e da destruição de propriedades na região para a ampliação da terceira pista.

Mais conteúdo sobre:
Reino UnidoaeroportoGreenpeace

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.