Chuvas provocam interdições em 8 estradas federais

Estradas de Santa Catarina, Minas Gerais e Rio de Janeiro têm trechos de interdição devido às chuvas

Elvis Pereira, do estadao.com.br,

22 Dezembro 2008 | 15h40

As recentes chuvas danificaram pelo menos oito rodovias federais em Minas Gerais, Santa Catarina e Rio de Janeiro, segundo dados do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).   Somente a BR-356, entretanto, estava totalmente fechada nesta segunda-feira, 22. Há pelo menos três dias, o transbordamento de um rio impedia a passagem nos municípios fluminenses de Cardoso Moreira e Itaperuna. Equipes do DNIT sobrevoaram a região, mas não havia condições de tráfego no local.   Ainda no Rio, barreiras caíram e obstruíram parte da BR-354, entre os km 13 e 19. Como o pavimento se rompeu, os motoristas são obrigados a circular por apenas meia pista. A opção é utilizar a Via Dutra, por Minas Gerais. Esse procedimento repete-se na BR-101, afetada por deslizamentos de terra nas imediações de Angra dos Reis e Paraty. Nesta segunda, eram executadas obras emergenciais nos km 521 e 560.   Em Minas, funcionários do DNIT trabalhavam para recuperar a pista da BR-494, no km 90, entre as cidades de Carmo da Mata e Oliveira. As fortes chuvas dessa semana comprometeram a estabilidade do terreno no trecho. Organizou-se um desvio provisório pelo município de Cláudio, mas o percurso aumenta em 50 quilômetros. A BR-116 apresentava interdições parciais nos km 813 e 703,3, em Muriaé, e no km 647, em Fervedouro. A BR-369 registrava meia pista bloqueada em Alfenas.   Em Santa Catarina, eram mantidos desvios no km 63 e 86 da BR-470, em Blumenau e Rodeio, respectivamente, e no km 31 da BR-282, em Águas Mornas. Em todos esses pontos, segundo a PRF, parte da pista cedeu.

Mais conteúdo sobre:
clima chuva estradas vítimas das chuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.