DF passa a vacinar contra febre amarela só em dias úteis

Segundo o secretário estadual de Saúde, meta de vacinação já foi atingida e o ritmo já pode cair

FRANCISCO CARLOS DE ASSIS, Agencia Estado

26 de janeiro de 2008 | 16h04

Os postos de saúde do Distrito Federal deixaram de abrir nos finais de semana, a partir deste sábado, para a vacinação contra a febre amarela. A suspensão do atendimento no fim de semana se deve a uma determinação da Secretaria de Saúde do DF.   Quem pretende tomar a vacina deve procurar os postos de segunda a sexta-feira, das 9 horas às 17 horas.   Para o secretário-adjunto de Saúde do Distrito Federal, Joaquim Barros, como as metas de vacinação foram atingidas na capital federal, não há mais necessidade de os postos abrirem nos finais de semana.   "A vacinação em massa se iniciou em 29 de dezembro, e cerca de 1,4 milhão de pessoas foram imunizadas. Agora, vamos nos concentrar nas áreas rurais e em locais de risco", explicou à Agência Brasil.   As pessoas que não sabiam da nova determinação e que tentaram se vacinar hoje não gostaram da decisão: durante a semana, os postos fecham às 17 horas, quando muitos ainda estão em horário de trabalho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.