Reprodução/ Facebook
Reprodução/ Facebook

Em vídeo divertido, estilista italiano radicado nos Estados Unidos ensina como ser italiano

Beber muito café, falar com as mãos e amar a 'mamma' estão entre os mandamentos de Fausto Puglisi. Conheça a história e as criações do designer italiano

Marília Marasciulo, O Estado de S. Paulo

06 de outubro de 2015 | 07h00

 

Foram os tradicionais alfaiates sicilianos que inspiraram o estilista italiano Fausto Puglisi a seguir carreira na moda. Mas não foi na terra natal que Puglisi deu os primeiros passos na direção do sucesso. Nascido em 1976, ele se mudou para os Estados Unidos aos 23 anos em busca de oportunidades. Depois de passagens por Nova York e Texas, acabou estabelecido em Los Angeles, onde suas peças começaram a ser vendidas na tradicional butique Maxfield. A partir de então, chamou a atenção de estilistas influentes como Arianne Phillips e Patti Wilson e viu sua carreira decolar. Mesmo longe da Itália, Puglisi mantém - com orgulho - as características de sua terra natal. Em uma brincadeira feita para o jornal The New York Times, ele ensina como ser um verdadeiro italiano. Confira no vídeo.

Puglisi desfilou pela primeira vez a coleção de sua grife na Semana de Moda de Milão. O estilo extravagante de suas roupas geralmente é inspirado no classicismo das esculturas romanas, na opulência da arquitetura barroca e na contemporaneidade de Hollywood. Atualmente, suas criações são vendidas em mais de 160 butiques no mundo inteiro, entre elas as clássicas Bergdorf Goodman, de Nova York, e a Selfridges, em Londres.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.