Rodovias de SP devem receber 2 mi de carros no feriado

Aproximadamente 2 milhões de veículos devem trafegar pelas rodovias de São Paulo durante o feriado prolongado de Nossa Senhora da Aparecida. Somente na capital, estimativa da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) é de que 1,2 milhão de veículos deixem a cidade. A CET recomenda que os motoristas evitem o período das 14 às 22 horas de amanhã e das 8 às 13 horas de sexta-feira. Para o retorno, o horário de pico, segundo a CET, será entre 14 e 22 horas de domingo e das 8 às 13 horas da segunda-feira.A concessionária Ecovias, que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, estima que até 330 mil veículos utilizem as rodovias para descer a serra em direção à Baixada Santista. A Ecovias implantará a Operação Descida a partir das 15 horas de amanhã, disponibilizando sete faixas para descida e três para subida. A operação será mantida até 18 horas da sexta-feira. O retorno à capital deve se intensificar a partir do sábado. Neste dia, a partir das 18 horas até a 1 hora de domingo, a Ecovias implantará a Operação Subida, com oito faixas para o retorno a São Paulo e duas para descida ao litoral. Este sistema será implantado novamente a partir das 13 horas de domingo e se estenderá até a madrugada de segunda.Estradas LitorâneasAs rodovias monitoradas pelo Departamento de Estradas e Rodagem (DER) e Dersa Desenvolvimento Rodoviário S/A terão esquema especial para o feriado prolongado a partir da zero hora de amanhã. A operação funcionará até a meia noite de domingo e abrange as rodovias que dão acesso ao litoral Norte de São Paulo e a Campos do Jordão: Ayrton Senna/Carvalho Pinto, Tamoios, Mogi-Bertioga, D.Pedro I, Oswaldo Cruz, Floriano Rodrigues Pinheiro e Rodovia Litorânea. Os horários de maior movimento nessas estradas serão entre 16 e 23 horas de amanhã e das 7 às 15 horas de sexta-feira. Para a volta, os motoristas devem evitar as rodovias entre 12 e 23 horas de domingo.Na Rodovia Litorânea são aguardados 218,9 mil carros, na Ayrton Senna/Carvalho Pinto são esperados 160 mil veículos, D. Pedro I 70 mil veículos, Tamoios 67,5 mil, Mogi-Bertioga 54 mil, Oswaldo Cruz 31 mil e Floriano Rodrigues Pinheiro 26,1 mil veículos.InteriorAs estradas rumo ao interior de São Paulo também devem registrar movimento intenso neste feriado. A AutoBan espera 550 mil veículos circulando pelo Sistema Anhangüera-Bandeirantes, entre a zero hora de amanhã e a meia noite de domingo. A concessionária estima que o horário de pico no sistema, no sentido interior, deverá ser entre 16 e 20 horas amanhã e das 9 às 12 horas na sexta-feira. Para evitar filas nos pedágios, a concessionária acionará a operação "papa-fila", efetuando a cobrança antes das cabines. O retorno à capital deve ter maior concentração de veículos entre 16 e 21 horas de domingo.O Sistema Castello-Raposo Tavares estima que 435 mil veículos circulem nos dois sentidos das rodovias. De acordo com a ViaOeste, que administra o sistema, também será implantada a operação "papa-fila" para evitar congestionamento nas praças de pedágio. O movimento deve ser intenso das 17 às 23 horas de amanhã, sentido interior. Na sexta-feira, os motoristas devem evitar o sistema entre 6 e 13 horas. Para o retorno à capital paulista, a ViaOeste afirma que o horário de pico deverá ser entre as 14 e 23 horas do domingo.O motorista que trafegar pela Rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, deve evitá-la entre 16 e 20 horas amanhã e das 8 às 14 horas na sexta-feira. Na saída de São Paulo, a concessionária NovaDutra estima que 7,5 mil veículos devem passar por hora entre 16 e 20 horas na véspera do feriado. Na sexta-feira, o número é um pouco menor: a previsão é de que 4,5 mil veículos devam trafegar entre as 8 e 14 horas. Já na saída da capital fluminense, a concessionária estima que 5,5 mil veículos devem circular pela rodovia por hora amanhã das 16 às 20 horas e, no sábado, são aguardados 3,5 mil veículos entre 7 e 10 horas. A rodovia espera que cerca de 84 mil veículos deixem o Rio de Janeiro e 130 mil veículos a capital paulista.Para o retorno à São Paulo, a NovaDutra estima que 6,5 mil veículos circulem por hora no domingo, das 16 às 20 horas. O movimento deve ser ainda mais intenso na segunda-feira, entre 6 e 9 horas, quando a previsão é de 9,5 mil veículos por hora pela rodovia. A volta para a capital fluminense deve ser evitada das 16 às 20 horas de domingo e das 6 às 9 horas de segunda-feira.

AMANDA VALERI, Agencia Estado

10 de outubro de 2007 | 16h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.