Seguradora do Royal Bank of Scotland pode demitir mais 236, após 900

A seguradora Direct Line, controlada pelo Royal Bank of Scotland, informou que pode cortar mais 236 postos de trabalho em meio à meta de reduzir os custos em 100 milhões de libras (159,83 milhões de dólares).

Reuters

29 de novembro de 2012 | 11h33

A Direct Line, que já anunciou mais de 900 demissões, disse que os novos cortes afetarão as divisões comercial, de risco e atendimento a clientes e ajudará a atingir mais 20 por cento da meta de redução.

A maior seguradora de automóveis do Reino Unido informou em setembro que tinha cortado quase metade das despesas que queria eliminar.

(Por Myles Neligan)

Tudo o que sabemos sobre:
FINANCASRBSSEGURADORA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.