Publicidade

Publicidade

Restaurantes e Bares

Café e tango: conheça o café mais antigo de Buenos Aires, em atividade há mais de 160 anos

O Café Tortoni testemunhou a história da cidade e está inserido no eixo turístico da capital da Argentina

Fachada do Café Tortoni. Foto: Luigi Di Fiore/EstadãoFoto: Luigi Di Fiore/Estadão

Localizado no bairro Montserrat, no centro histórico de Buenos Aires, um café participa do cenário gastronômico da capital portenha desde 1858. O Café Tortoni é um dos destinos mais populares entre os cafés da região, sendo encontrado em muitos roteiros de viagem para a Argentina.

O Gran Café Tortoni foi inspirado em outro estabelecimento de mesmo nome, em atividade na cidade de Paris desde o fim do século XVIII. A inspiração francesa pode ser observada na arquitetura do local, entre o mobiliário e a estrutura de estilo neoclássico.

O Café Tortoni está em atividade desde 1858. Foto: Luigi Di Fiore/Estadão

Grandes personalidades da literatura e da música argentina frequentaram o café, como Carlos Gardel, Julio Cortázar, Jorge Luis Borges e Alfonsina Storni (que dá nome a um dos salões do café), além de outras celebridades mundiais que teriam passado pela casa, como Albert Einstein, Gabriela Mistral, Francis Ford Coppola, Susan Sontag e até a cantora Katy Perry.

PUBLICIDADE

O que tem para comer no Café Tortoni

Café da manhã do Café Tortoni. Foto: Luigi Di Fiore/Estadão

O cardápio do café é variado e pode funcionar em todas as refeições do dia, desde o café da manhã até o jantar, sendo também uma boa opção para um brunch. Entre as opções presentes no menu da casa, o chocolate quente com churros (cerca de R$ 19) é uma das principais saídas do Tortoni, ao lado das medialunas (cerca de R$ 9) e o tostado (misto quente argentino, que custa aproximadamente R$ 17).

Há ainda a possibilidade de pedir combinados completos com opções do café, como o combinado Tortoni (por volta de R$ 33), que conta com café com leite, fatia de bolo, tostado e suco de laranja, entre outras opções. O Café Tortoni também serve algumas opções de saladas e cortes de carnes e saladas para quem deseja consumir uma refeição mais robusta, além de contar com carta de vinhos e opções de drinques e bebidas alcoólicas no menu de seu bar.

PUBLICIDADE

Café Tortoni e o tango

A arquitetura do Café Tortoni é inspirada nos antigos cafés franceses. Foto: Luigi Di Fiore/Estadão

A casa ganhou espaço no circuito turístico de Buenos Aires também a partir de sua programação cultural. No subsolo, funciona um teatro onde acontece o tão conhecido show de tango argentino.

Há apresentações todos os dias da semana, às 18h e às 20h de segunda a quinta-feira, e às 18h, 19h e 20h às sextas, sábados e domingos. O valor é de aproximadamente R$ 90.

Como chegar

PUBLICIDADE

É fácil chegar no estabelecimento a partir do transporte público. Foto: Luigi Di Fiore/Estadão

As opções mais práticas e baratas para chegar ao Café Tortoni estão no transporte público. A estação Piedras, da linha A do metrô de Buenos Aires, e o ponto de ônibus 817 da Avenida de Mayo ficam a menos de 50 metros do Café Tortoni, sendo opções econômicas e práticas para chegar no café.

Para utilizar o transporte público, a dica é pegar o cartão Sube em alguma das estações de metrô da cidade, que pode ser compartilhado e custa aproximadamente R$ 6. Cada passagem custa alguns centavos de real.

Serviço

Gran Café Tortoni. Endereço: Avenida de Mayo 825, C1084 - Buenos Aires, Argentina. Horário de funcionamento: todos os dias das 08h às 21h. A casa não trabalha com reservas. Telefone: +54 9 11 6631-9379 (Whatsapp) / 4342-4328. Instagram: @grancafetortoni. Site: www.cafetortoni.com.ar.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE