Apoiadores de Bolsonaro comemoram visita de Musk ao Brasil e ligam o bilionário ao presidente

Foto: TwitterReprodução

‘Welcome to Brazil’, ‘Amazônia’ e ‘#BolsoMusk’ foram os assuntos mais comentados no Twitter na manhã desta sexta-feira

Por Redação

Continua após a publicidade

A visita do bilionário sul-africano Elon Musk ao Brasil para participar do Conecta Amazônia mobilizou a base de apoio ao presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais. A comemoração de bolsonaristas pela chegada do fundador da SpaceX, que negocia uma operação para comprar o Twitter, ocupou ao menos quatro dos dez assuntos mais comentados na plataforma nesta sexta-feira, 20.

A hashtag #BolsoMusk foi a mais comentada nesta manhã, com 98,7 mil tuítes, seguida dos termos Amazônia; Welcome to Brazil (bem-vindo ao Brasil, em referência a Musk) e Porto Feliz (cidade onde o encontro aconteceu). A Starlink, braço da SpaceX que quer implementar satélites no Brasil, e o nome do ministro das Comunicações, Fábio Faria, também estiveram entre os termos mais citados na rede.

Musk é visto com ânimo por apoiadores do presidente pela defesa da “liberdade de expressão”, repetida com frequência por ele. O grupo já havia comemorado a compra do Twitter pelo bilionário - dias depois, Musk avisou que o negócio estava “temporariamente suspenso”.

Continua após a publicidade

Elon Musk e Bolsonaro se encontram em São Paulo e tratam de conexão na Amazônia
Elon Musk e Bolsonaro se encontram em São Paulo e tratam de conexão na Amazônia Foto: Reprodução/Twitter/Jair Bolsonaro

O presidente, que divulgou foto do encontro com Musk nas redes sociais, chamou de “sopro de esperança” a possível troca no comando do Twitter. Faria disse ao empresário que “todo mundo no Brasil o ama”.

Nas redes sociais, o deputado Eduardo Bolsonaro (PL-SP) já defende a narrativa de que o pai é próximo do empresário. Ele postou uma fotomotagem em que Bolsonaro e Musk estão lado a lado comendo pastel de feira e aproveitou para impulsionar a hastag “Bolsomusk”. Outros memes também fizeram montagens com a foto da dupla como se fossem personagens da franquia Power Rangers.

O senador Flávio Bolsonaro (PL) chamou a reunião de “encontro de mitos”.

Entre os posts mais compartilhados, estão referências à esquerda, que, segundo seguidores de Bolsonaro, estaria “chorando” com o encontro.

A conta “Te atualizei”, da blogueira bolsonarista Bárbara Destefani, disse que a conectividade na Amazônia proposta por Musk “vai levar internet para várias regiões distantes e livrar o povo do monopólio da Globo”.

Com menor expressão no Twitter, opositores do presidente usaram as mesmas hashtags para criticar a visita de Musk. O termo “Welcome to Brazil”, por exemplo, foi associado aos índices de pobreza e inflação do País.

A estratégia de comunicação nas redes sociais é classificada como crucial pelo Planalto para Bolsonaro enfrentar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições de outubro. Como mostrou o Estadão, integrantes da família Bolsonaro ganharam cerca de 200 mil novos seguidores no Twitter após a venda do aplicativo para Musk.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Publicidade