PUBLICIDADE

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Coluna do Estadão

| Por Roseann Kennedy

Roseann Kennedy traz os bastidores da política e da economia, com Eduardo Gayer e Augusto Tenório

Ricardo Nunes pega carona política e testa popularidade na estreia da tarifa zero aos domingos

Prefeito de São Paulo tenta imprimir uma marca à sua gestão

Foto do author Roseann Kennedy
Por Roseann Kennedy

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), vai testar o efeito político do “domingão tarifa zero” neste domingo, 17, quando a medida começa a valer. Ele vai andar pelas ruas da cidade para ver o fluxo nos ônibus e conversar com passageiros.

Nunes e sua equipe apostam que o programa vai ajudar a impulsionar sua popularidade. De olho na disputa à reeleição em 2024, o prefeito da capital tenta imprimir uma marca à sua gestão para ser relacionado diretamente a um programa popular na cidade. Atualmente, 2,2 milhões de passageiros usam o sistema de ônibus aos domingos e a prefeitura deixará de arrecadar, por ano, R$238 milhões com as passagens.

O prefeito Ricardo Nunes. Foto: TABA BENEDICTO / ESTADAO

No passado, por exemplo, Marta Suplicy ficou associada à criação do Bilhete Único e do CEU - Centro Educacional Unificado. Hoje Marta integra a equipe de Nunes como secretária municipal de Relações Internacionais. Mas é cotada para vice na chapa de Guilherme Boulos (PSOL). Consequentemente, levaria as marcas para a campanha adversária.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.