PUBLICIDADE

Avenida São João vai fechar para veículos neste domingo; saiba como vai funcionar

Via terá teste do programa Ruas Abertas, que já funciona na Paulista e na Liberdade; trecho entre o Minhocão e o Largo do Paissandu será interditado entre 9h e 16h

Atualização:

A Avenida São João, na região central de São Paulo, vai receber neste domingo, 21, o primeiro teste de fechamento da via para veículos. A ideia é fazer uma experiência que pretende incluir o local no Programa Ruas Abertas, criado em 2016, para promover atividades culturais e de lazer.

Das 9h às 16h do domingo, um trecho de 1,5 km da Avenida São João, entre o Elevado Presidente João Goulart, o Minhocão, e o Largo do Paissandu, será temporariamente interditado para a circulação de veículos e aberto exclusivamente para pedestres e ciclistas, assim como já acontece em quatro ruas do bairro da Liberdade e na Avenida Paulista.

Prefeitura faz teste de modelo que já é adotado na Paulista e na Liberdade Foto: Tiago Queiroz/Estadão

PUBLICIDADE

Na via mais famosa da cidade, o programa começou sob dúvidas, mas depois se consolidou como uma opção de lazer. A região da São João tem enfrentado uma série de problemas, como o crescimento dos roubos, a alta de moradores de rua e o espalhamento da Cracolândia.

A população poderá opinar sobre essa nova experiência no centro da capital até 8 de fevereiro, no portal Participe Mais, da prefeitura. A intenção da pesquisa é avaliar o interesse de moradores e frequentadores e também os impactos dela na segurança, trânsito e comércio da região com as interdições temporárias.

Para viabilizar o teste, haverá desvio do itinerário de 31 linhas de ônibus das 6h30 às 16h, entre a Rua Helvétia e o Vale do Anhangabaú. As alterações podem ser consultadas no site da Prefeitura. A CET também deve monitorar o trânsito na região no fim de semana, com as interdições previstas durante toda a manhã até o fim da tarde.

Mapa das interdições de trânsito na Avenida São João para o evento teste do Programa Ruas Abertas neste domingo, 21. Foto: Prefeitura de São Paulo

Segundo a Prefeitura, o Ruas Abertas prioriza oferecer condições que estimulem a permanência das pessoas em ruas e avenidas com acesso exclusivo para pedestres aos domingos e feriados, com apoio de agentes municipais para monitorar o tráfego de veículos.

Além disso, a longo prazo, o programa ainda prevê a execução de obras permanentes para ampliar espaços de permanência e lazer, fortalecer o comércio local e reduzir o impacto ambiental.

Publicidade

Desde 2016, a Avenida Paulista integra o Programa Ruas Abertas. Em outubro de 2023, o programa foi expandido para a região da Liberdade. Aos domingos e feriados, quatro ruas são fechadas para o tráfego de veículos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.