Vacina contra gripe H1N1 será antecipada só na capital e Grande SP

Segundo a Secretaria, a partir de 11 de abril poderão ser vacinados idosos, crianças e gestantes, além de profissionais de saúde

Foto do author Fabiana Cambricoli
Por Fabiana Cambricoli
Atualização:
Em 2009, a Organização Mundial da Saúde (OMS) emitiu alerta de pandemia do H1N1por considerar a situação alarmante Foto: REUTERS

SÃO PAULO - A campanha de vacinação contra a gripe H1N1 será antecipada apenas na capital paulista e na região metropolitana de São Paulo, conforme informou nesta terça-feira, 29, a Secretaria Estadual da Saúde.

PUBLICIDADE

De acordo com a pasta, a partir do dia 11 de abril poderão ser vacinados idosos, crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos e gestantes - moradores dessa região -, além de profissionais de saúde, que serão imunizados a partir do dia 8.

No total, cerca de 3,5 milhões de paulistas receberão as doses de forma antecipada. O restante da população-alvo, formada por doentes crônicos, puérperas, indígenas, detentos e funcionários do sistema prisional - moradores dos demais municípios do Estado - só poderão tomar a vacina a partir do dia 30 de abril, quando terá início a campanha nacional.   

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.