Comissão de Transparência do Senado convoca presidente da Vale para depor sobre Brumadinho

Pedido foi formulado pela senadora Rose de Freitas (Podemos-ES) e aprovado pela comissão em sua primeira reunião

PUBLICIDADE

Por Teo Cury e Renan Truffi
Atualização:
Equipes dos Bombeiros trabalham em resgate após rompimento de barragem da Vale em Brumadinho Foto: Wilton Junior / Estadão

BRASÍLIA - A Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) do Senado Federal aprovou nesta quarta-feira, 13, um requerimento para convocar o presidente da mineradora Vale, Fabio Schvartsman, a prestar esclarecimentos sobre o rompimento da barragem da mineradora em Brumadinho (MG). 

PUBLICIDADE

O pedido foi formulado pela senadora Rose de Freitas (Podemos-ES) e aprovado pela comissão em sua primeira reunião. "Requeiro nos termos do Art. 397, do regimento interno do Senado Federal, convocar o Presidente da Vale, para prestar esclarecimentos a essa Comissão sobre as construções e fiscalização relativos aos projetos de contenção de resíduos", diz o pedido da senadora, que não é membro da comissão, mas participou da reunião.

O dispositivo do regimento interno do Senado citado pela senadora e que baseia seu pedido diz respeito apenas à convocação de ministros de Estado. No entanto, a Constituição Federal prevê que as comissões além de poder "convocar Ministros de Estado para prestar informações sobre assuntos inerentes a suas atribuições", podem "solicitar depoimento de qualquer autoridade ou cidadão".

Procurada, a assessoria de imprensa da Vale informou que não iria se manifestar sobre o assunto.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.