Explosões destroem casas e deixam um morto em Juiz de Fora

Autoridades de Minas Gerais apuram o que causou o acidente; imóveis atingidos ficavam no mesmo terreno no bairro Santa Terezinha

PUBLICIDADE

Por Marina Rigueira
Atualização:

Um pessoa morreu e ao menos duas casas ficaram destruídas depois de uma explosão que aconteceu na madrugada desta sexta-feira, 6, na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais. Outros dois imóveis foram atingidos pelos escombros.

De acordo com o Corpo de Bombeiros do Estado, ainda não se sabe o que poderia ter causado a sequência de três explosões que danificaram os imóveis que ficam no mesmo terreno na Rua Alencar Tristão, no bairro Santa Terezinha. A corporação confirmou a morte de um dos moradores e informou que as demais residências estavam vazias.

Ao menos quatro imóveis foram atingidos pelas explosões na cidade de Juiz de Fora. Foto: Corpo de Bombeiros-MG

Equipes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, da Polícia Civil e da Prefeitura de Juiz de Fora estão no local. A prefeita Margarida Salomão também acompanhou as equipes da Defesa Civil, em vistoria nesta manhã. Moradores de casas vizinhas, que também tiveram os imóveis danificados, contaram ter ouvido durante a madrugada um forte estrondo e sentiram um tremor.

Um corpo foi encontrado sob os escombros, segundo o Corpo de Bombeiros. Foto: Corpo de Bombeiros - MG

PUBLICIDADE

“Em primeiro lugar, quero prestar solidariedade à cidade e às pessoas que sofreram esse incidente. Já garantimos às pessoas que foram imediatamente impactadas que a Defesa Civil socorrerá com o material que for necessário. Foram destruídas portas, janelas e essas pessoas precisam de assistência”, disse a prefeita. “Estamos atuando junto com o Corpo de Bombeiros para, primeiro, investigarmos o que aconteceu.”


De acordo com a Prefeitura de Juiz de Fora, cinco equipes da Defesa Civil estão realizando vistorias em todos os imóveis do entorno e também orientando os moradores. O Demlurb enviou uma equipe e maquinários para ajudar na retirada dos escombros.

A Rua Alencar Tristão permanece interditada no trecho em frente ao cemitério Parque da Saudade. O trânsito está sendo desviado para a Avenida Rui Barbosa e agentes da SMU estão orientando o trânsito.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.