PUBLICIDADE

Marinha e TRE atuam em favela na zona norte do Rio

Operação visa retirar propaganda eleitoral irregular na favela Fogo Cruzado, no Complexo da Maré

Por Marcelo Gomes - O Estado de S. Paulo
Atualização:

RIO DE JANEIRO - Cerca de 300 homens da Marinha ocuparam às 14 horas desta segunda-feira, 1º, a favela Fogo Cruzado, no Complexo da Maré, na zona norte do Rio. Em seguida, fiscais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio iniciaram uma operação para retirar placas de propaganda eleitoral afixadas irregularmente em fachadas de residências, muros e estabelecimentos comerciais no interior da comunidade. Eles contam com o auxílio de um caminhão-baú da Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb) para depositar o material apreendido. Foram retiradas centenas de placas de propaganda irregular de candidatos a prefeito e vereador. 

PUBLICIDADE

A operação está sendo acompanhada pessoalmente pelo presidente do TRE-RJ, desembargador Luiz Zveiter. "Todos os candidatos flagrados com propaganda irregular serão alvo de processo no tribunal e podem ser condenados a pagamento de multa."

Apesar de a favela ser controlada por traficantes, não houve resistência à chegada dos militares. Duas favelas da zona oeste foram ocupadas pelo Exército na manhã de hoje, também com o objetivo de garantir a segurança dos fiscais do TRE: Muquiço, em Guadalupe, e Gardência Azul, em Jacarepaguá. Até o momento, não houve registro de incidentes.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.