PUBLICIDADE

Motorista de ônibus reage a assalto e morre

Por Agencia Estado
Atualização:

Por volta das 21h30 desta segunda-feira, o motorista Ataíde Marciano dos Santos, de 43 anos, funcionário da Viação Pirajuçara, foi morto, com três tiros, um deles na cabeça, ao reagir a um assalto no ponto final da linha Taboão da Serra/Hospital das Clínicas, localizado na Rua Francisco D?amico, em Taboão da Serra, na Grande São Paulo. Dois bandidos, um negro e um branco, um deles aparentemente menor, renderam o fiscal da linha José Jailson da Costa, que estava fora do coletivo. Após roubarem R$ 5 de Jaílson, os bandidos entraram no ônibus, onde o motorista e o cobrador Josemar Brum tomavam um lanche e preparavam-se para iniciar nova viagem. Enquanto o bandido armado estava ao lado de Ataíde, o comparsa obrigava Josemar a entregar todo o dinheiro da catraca. Ao tentar tomar a arma do assaltante, um revólver calibre 38mm, o motorista acabou sendo baleado três vezes, caindo nos degraus no ônibus, onde morreu. A dupla fugiu, levando uma quantia ainda não divulgada. O caso foi registrado no Distrito Policial de Taboão pelo delegado José Roberto Plázio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.