PUBLICIDADE

Papa nomeia novos bispos para cidades do interior de SP; saiba quem são

Eugênio Barbosa Martins e José Benedito Cardoso foram agraciados com nomeações para São João da Boa Vista e Catanduva

Por Fabio Grellet

O papa Francisco nomeou nessa quinta-feira, 4, o monsenhor Eugênio Barbosa Martins como bispo da Diocese de São João da Boa Vista e dom José Benedito Cardoso como bispo da Diocese de Catanduva.

PUBLICIDADE

Martins, ex-superior geral da Congregação do Santíssimo Sacramento, nasceu em 5 de setembro de 1960 em Araguari, Diocese de Uberlândia (MG). Concluiu os estudos de Filosofia na Faculdade São Bento em São Paulo e de Teologia no Instituto Teológico São Paulo (Itesp), em São Paulo. Fez a profissão religiosa em janeiro de 1984 na Congregação do Santíssimo Sacramento (Sacramentinos) e recebeu a ordenação sacerdotal em quatro anos depois.

Foi pároco de Nossa Senhora da Boa Viagem em Belo Horizonte, de 2006 a 2011; presidente da Conferência Latino-Americana dos Sacramentinos e da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB/seção Belo Horizonte). De 2011 a 2023 foi Superior Geral da Congregação do Santíssimo Sacramento em Roma.

O monsenhor Eugênio Barbosa Martins, nomeado bispo da Diocese de São João da Boa Vista Foto: Vaticannews.va/pt

Dom José Benedito Cardoso nasceu em 12 de setembro de 1961 em Angatuba, Diocese de Itapetininga. Concluiu os estudos de Filosofia no Seminário São Carlos Borromeu, em Sorocaba, e os de Teologia no Itesp, em São Paulo. Obteve o Mestrado em Direito Canônico pela Faculdade de Direito Canônico São Paulo Apóstolo em São Paulo e cursou Direito nas Faculdades Integradas de Itapetininga.

Em novembro de 1986, recebeu a ordenação sacerdotal e foi incardinado na Arquidiocese de Sorocaba. Com a criação da Diocese de Itapetininga, em 1998, desmembrada de Sorocaba, foi incardinado na nova circunscrição.

Desempenhou os cargos de pároco de São Roque em Itapetininga (1988-2019); membro do Conselho Presbiteral e do Colégio de Consultores; coordenador diocesano de Liturgia; professor de Direito Canônico; vigário judicial e presidente do Tribunal Diocesano; defensor do Vínculo e juiz do Tribunal Eclesiástico Interdiocesano de Sorocaba.

Em janeiro de 2019, Cardoso foi nomeado bispo titular de Castel Minore e Auxiliar de São Paulo, recebendo a ordenação episcopal no dia 15 de março seguinte. Até agora, era Vigário Episcopal da Região da Lapa da Arquidiocese de São Paulo.

Publicidade

Dom José Benedito Cardoso, nomeado bispo da Diocese de Catanduva Foto: Vaticannews.va/pt

Na Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), foi Bispo Referente para as Comunidades Eclesiais de Base, para a Comissão de Defesa da Vida, para a Pastoral da Terra e para os Religiosos. Dentro da CNBB, é membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.