PUBLICIDADE

Polícia do Rio prende 5 acusados de tráfico de ecstasy

Por Solange Spigliatti
Atualização:

Cinco pessoas foram presas hoje acusadas de comercializar comprimidos de ecstasy no Rio. Segundo a Polícia Civil, três delas participaram da festa rave em Itaboraí, no sábado, quando um jovem de 17 anos morreu e outros 18 foram internados por intoxicação após terem ingerido álcool e drogas. Os suspeitos foram detidos durante uma operação dos policiais da delegacia do Grajaú feita na Barra da Tijuca, Recreio e Jacarepaguá, na zona oeste da capital fluminense. Também foram apreendidos mais de mil comprimidos da droga sintética, além de maconha, haxixe e frascos de lança-perfume. No sábado, o adolescente Lucas Francesco Amendola Marioano, de 17 anos, sofreu uma parada cardíaca depois de passar mal na festa. Lucas portava identidade falsa e mentiu para os pais, dizendo que iria para Angra dos Reis com amigos. A morte de Raphael de Souza Mais, de 26 anos, é apurada no mesmo inquérito. Ele bateu na traseira de um ônibus momentos depois de sair da festa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.