PUBLICIDADE

Polícia sul-africana prende 3 por morte de campeão mundial de boxe

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

A polícia da África do Sul prendeu três suspeitos pela morte do ex-campeão mundial peso-pesado de boxe Cornelius "Corrie" Sanders, que foi assassinado no domingo por ladrões armados que invadiram a festa de aniversário de um sobrinho dele. Os suspeitos, que são cidadãos do Zimbábue, vão comparecer a um tribunal de Brits, 80 quilômetros a noroeste de Johanesburgo, na segunda-feira, sob acusações de homicídio e assalto à mão armada. "A polícia confiscou um telefone celular, a chave de um carro, uma bolsa e o dinheiro que eles supostamente roubaram durante o assalto e pertencia às vítimas", disse a polícia em comunicado. Sanders, de 46 anos, foi atingido no braço e na barriga durante o assalto ocorrido em um restaurante perto de Brits onde ele e familiares participavam da festa de aniversário. Ele foi levado às pressas ao hospital mas morreu na madrugada de domingo. Sanders conquistou o título dos peso-pesados da Organização Mundial de Boxe em 2003 com um knockout surpreendente contra o ucraniano Wladimir Klitschko. Ele perdeu apenas 4 de suas 46 lutas como profissional. (Reportagem de Tshepo Tshabalala)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.