PUBLICIDADE

Protesto de ortodoxos russos impede apresentação de musical consagrado

Versão de 'Jesus Cristo Superstar' foi cancelada na cidade russa de Rostov; muitos criticam interferência da religião.

Por BBC Brasil
Atualização:

Um teatro na cidade russa de Rostov (sul) desistiu da produção do conhecido musical "Jesus Cristo Superstar", após a peça ter sido alvo de protestos de cristãos ortodoxos. A ópera-rock, de Andrew Lloyd Webber, estava prevista para estrear no mês que vem, interpretada por uma companhia teatral russa e pela Filarmônica de Rostov. Mas manifestantes argumentaram que a obra projeta uma imagem "errada" de Jesus Cristo. Os ortodoxos formalizaram sua queixa com a Promotoria local e escreveram para a gerência da Filarmônica, informou o jornal local Rostov Times. Citando uma suposta "nova lei que protege os direitos dos fiéis", eles descreveram o musical como uma obra "profana" que deveria ter sido submetida à aprovação da Igreja Ortodoxa Russa. No entanto, um porta-voz da igreja ressaltou à agência Associated Press não ter nenhuma relação com os manifestantes e com sua petição contra "Jesus Cristo Superstar". Interferência A notícia do cancelamento da peça pegou os artistas de surpresa e despertou críticas entre os que acham que a religião interfere demais na vida pública dos russos. Ao mesmo tempo, tramita na Duma, Câmara Baixa do Parlamento do país, uma lei que poderá criminalizar a ofensa a "sentimentos religiosos dos cidadãos". Sensibilidades religiosas se tornaram neste ano um tema político na Rússia, diante da punição à banda de punk Pussy Riot, condenada após realizar um protesto contra o presidente Vladimir Putin dentro da catedral ortodoxa de Moscou. Quanto ao caso de "Jesus Cristo Superstar", um porta-voz da Promotoria de Rostov afirmou à agência Interfax que o pedido dos manifestantes ortodoxos será avaliado e "a decisão apropriada será tomada". A ópera-rock estreou na Broadway, em Nova York, com sucesso, em 1971, e desde então ganhou versões em teatros de outros países e no cinema, contando os eventos que levaram à crucificação de Jesus Cristo. A peça já havia sido apresentada na Rússia diversas vezes nas últimas décadas. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.