PUBLICIDADE

Receita com prescrição é alvo da Anvisa

Por Ligia Formenti e BRASÍLIA
Atualização:

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vai criar um grupo de trabalho para discutir formas de garantir a exigência da receita na compra de medicamentos sujeitos à prescrição. Na primeira quinzena de outubro, a agência deverá publicar um edital convocando interessados a participar da discussão. A estimativa é de que no início do próximo ano as primeiras medidas sejam colocadas em prática. Medicamentos cuja venda deve ser feita com prescrição médica representam cerca de 65% do mercado. Na lista estão, por exemplo, remédios para diabetes, hipertensão e anti-inflamatórios. De acordo com o presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, cerca de 75% dos casos de intoxicação são provocados por esses medicamentos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.