‘Samurai de BH’ usa espada japonesa para impedir roubo de bicicletas em MG; veja o vídeo

Fisioterapeuta usou arma do Japão antigo para assustar os ladrões em condomínio de Belo Horizonte

PUBLICIDADE

Atualização:

O fisioterapeuta Alisson D’jean, de 39 anos, que se autodenomina “Samurai de BH”, usou uma espada japonesa para afastar três homens que tentavam roubar bicicletas em um condomínio em Belo Horizonte (MG). O caso aconteceu no dia 13 de agosto, mas o vídeo viralizou nas redes sociais na última sexta-feira, 25.

Um homem usou uma espada do Japão antigo para perseguir um grupo de suspeitos que tentava roubar bicicletas de um condomínio em Minas Gerais.  Foto: REPRODUÇÃO / REDES SOCIAIS

PUBLICIDADE

Nas imagens registradas pelas câmeras de segurança do prédio do bairro Santo Antônio, em Belo Horizonte, Allison e o síndico descem até a portaria do condomínio. O homem persegue os suspeitos com a katana, tradicional espada japonesa que era usada pelos samurais. O trio de ladrões corre assustado, consegue fugir e abandona as bicicletas. Ninguém se feriu.

O “Samurai de BH” usou as redes sociais para explicar que não é proprietário das bicicletas. Ele explicou que agiu para impedir mais um furto, já que este é o quarto crime do gênero no prédio.

“Essa não foi a primeira nem a segunda vez que os bandidos invadiram meu condomínio. Eu avisei em em casa que intercederia se acontecesse novamente. Minha preocupação não era retornar às bicicletas. Eu nem tenho bicicleta. Andei uma vez há 5, 6 anos atrás. Eu queria garantir a segurança do meu prédio”, disse o fisioterapeuta.

Embora o morador tenha sido bem-sucedido ao impedir o roubo, a Polícia Militar recomenda que as pessoas não reajam em situações dessa natureza. A Polícia Civil informou que investiga o caso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.