PUBLICIDADE

Diretor Werner Herzog assiste ao filme ‘Barbie’ e diz ter testemunhado ‘o inferno’

O alemão afirmou em entrevista que só assistiu a meia hora do longa indicado ao Oscar de Melhor Filme

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

Em entrevista ao apresentador britânico Piers Morgan, o diretor alemão Werner Herzog, de filmes como Nosferatu (1979) e Fitzcarraldo (1982) revelou as impressões que teve ao assistir o filme Barbie, da diretora Greta Gerwig, um dos concorrentes ao Oscar 2024 de Melhor Filme.

O diretor Herzog (à direita) em entrevisto a Piers Foto: Reprodução/ Twitter @PiersUncensored

PUBLICIDADE

Herzog, que afirmou ter visto apenas a primeira hora do longa, disse que decidiu assisti-lo pois estava “curioso” com a produção.

Sua primeira impressão sobre Barbie chamou atenção: “Ainda não tenho uma resposta, mas tenho uma suspeita: será que o mundo de Barbie é um inferno? Por um ingresso de cinema, como público, você pode testemunhar o inferno. O mais próximo possível”, disse.

O cineasta afirmou ao apresentador que ainda pretende assistir Barbie, que foi um grande sucesso nos cinemas, por completo para que possa tirar uma conclusão definitiva sobre o filme que tem oito indicações ao Oscar. Além de Melhor Filme, a produção ainda concorre aos prêmios de Melhor Ator e Melhor Atriz Coadjuvantes, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Figurino e Melhor Design de Produção.

Herzog contou ainda que também não assistiu Oppenheimer, filme de Christopher Nolan sobre a criação da bomba atômica, que tem se destacado como forte concorrente a vencer o Oscar de Melhor Filme.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.