Publicidade

AOS 70 ANOS, CUIDADORA DE CACHORROS

Jeanete Scriptore encontrou um jeito de de ganhar dinheiro cuidando de cachorros

Por Laura Maia
Atualização:
Jeanete de Barros Scriptore utiliza o aplicavo Doghero para cuidar de cães de pessoas que viajam. A diária é de cerca de R$50 Foto: JF DIORIO /ESTADÃO

A aposentadoria só dava para cobrir o aluguel, o trabalho como cabeleireira autônoma não garantia complemento de renda suficiente e, de quebra, a sua poodle de estimação, Lilika, tinha acabado de morrer aos 14 anos. Foi nesse contexto que a dona Jeanete Scriptore, de 70 anos, encontrou um jeito de ganhar dinheiro com uma de suas maiores paixões: cuidar de cachorros.

PUBLICIDADE

Estava fuçando sites na internet há cerca de dois anos, quando encontrou a Doghero, plataforma que conecta donos que buscam um lugar seguro para seus pets e pessoas dispostas a recebê-los em suas residências. “A oportunidade de cuidar de ‘peludos’ e ganhar dinheiro com isso me pareceu maravilhosa.” Janete cobra, em média, R$ 50 a diária da hospedagem.

No site, as avaliações de quem já experimentou seus serviços apontam para uma anfitriã cuidadosa, que já tem alguns hóspedes cativos.

O aplicativo foi adaptado para atender pessoas com a mesma faixa etária de Jeanete. As letras, por exemplo, foram ampliadas para facilitar a leitura. 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.