Publicidade

BRF bate recorde de exportação de carne de frango para Oriente Médio e norte da África

Empresa vendeu 82 mil toneladas de carnes, 8% a mais do que no mesmo mês do ano passado

Por Clarice Couto

A BRF registrou em março o maior volume de exportação de carne de frango e itens de valor agregado para o mercado Halal Mena — sigla usada no mercado para se referir a países do Oriente Médio e do norte da África. Foram 82 mil toneladas, 8% a mais do que em março do ano passado. Nessas regiões, a companhia é líder de mercado.

PUBLICIDADE

As vendas dos mesmos produtos para o mercado Halal Mena no primeiro trimestre de 2023 também foram maiores do que em igual período de 2022, chegando a 222 mil toneladas, crescimento de 13% em relação ao primeiro trimestre de 2022, quando foram vendidas 188 mil toneladas.

“De um lado, este recorde traduz a clara preferência de nossos consumidores e clientes pelas nossas marcas, Sadia em particular. Do outro lado, reafirma as importantes melhoras operacionais que temos entregue globalmente”, afirma o vice-presidente de Mercado Halal da BRF, Igor Marti. “Seguimos consistentes e animados com as oportunidades no mercado Halal”, continuou.

BRF é uma das principais empresas de carne do Brasil Foto: REUTERS/Nacho Doce

Em maio, a BRF teve sua planta de Lucas do Rio Verde (MT) reabilitada para exportação de carne suína e de frango à China. Foi a terceira habilitação conquistada para abastecer o mercado chinês em menos de seis meses.

Em novembro de 2022, a unidade de Lajeado (RS) já havia recebido autorização para exportar carne de frango à China. Em março de 2023, a planta da BRF localizada em Marau (RS) foi autorizada a retomar exportação para o país asiático.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.