EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Bastidores do mundo dos negócios

C6 cria área de private para atender ao cliente de ‘altíssima’ alta renda

Divisão é voltada para clientes com mais de R$ 10 milhões em investimentos

PUBLICIDADE

Foto do author Matheus Piovesana
Por Matheus Piovesana (Broadcast)
Com 25 milhões de clientes, C6 não revela quantos estão no novo segmento  Foto: FELIPE RAU / ESTADÃO CONTEÚDO

Criado para atender clientes de alta renda, o C6 está abrindo uma área específica para os mais endinheirados do grupo, que têm investimentos acima de R$ 10 milhões. O private do banco digital começa com 20 profissionais, número que pode aumentar à medida que a carteira crescer - com 25 milhões de clientes ao todo, o C6 não revela quantos estão no novo segmento.

PUBLICIDADE

O chefe de investimentos do banco, Igor Rongel, afirma que nem todo cliente de alta renda é igual e que a necessidade de assessoria é maior quanto maior o patrimônio. Segundo ele, os clientes do private já têm conta em outros bancos e são mais velhos, ou seja, mais propensos a buscar atendimento especializado. Ao mesmo tempo, os que têm investimentos de até R$ 30 milhões ficam em um “limbo” nos grandes bancos, diz, com atendimento menos próximo do que os que estão degraus acima.

O raciocínio é o mesmo que o C6 fez no ano passado, ao criar o chamado Carbon Partners, que atende aos clientes com renda superior a R$ 15 mil ou com R$ 150 mil em investimentos: ao invés de criar a estrutura e sair à caça de clientes, é preciso desenhar uma estrutura nova para um usuário que já está no banco. O Carbon Partners tem 400 profissionais.

Objetivo é apresentar produtos e serviços a quem já é cliente

Em ambos os casos, um dos objetivos é apresentar aos clientes os produtos e serviços do C6. Dessa forma, o banco espera que mais transações aconteçam ali dentro, trazendo maior rentabilidade. “O banco cresceu muito rápido e expandiu o portfólio de produtos e serviços muito rápido. Então, não é incomum que a pessoa não saiba de algum produto ou serviço que temos”, diz Rongel. O C6 começou a operar em 2019.


Publicidade

Esta nota foi publicada no Broadcast no dia 21/08/23, às 13h03.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.