EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Bastidores do mundo dos negócios

Projeto de R$ 1,2 bi prevê shopping em antiga área da Vasp em Congonhas

Terreno foi arrematado em leilão em 2017 por consórcio formado pela Leroy Merlin e pela Creative Real Estate

PUBLICIDADE

Foto do author Circe Bonatelli
Por Circe Bonatelli (Broadcast)
Atualização:

A cidade de São Paulo terá um novo shopping onde pouca gente imaginaria ser possível: colado no aeroporto de Congonhas. O terreno é o mesmo que abrigou instalações da Vasp no passado. Um consórcio formado pela Leroy Merlin e pela Creative Real Estate venceu o leilão da área realizado em 2017 pela Infraero. Na época, as partes foram as únicas interessadas e pagaram o preço mínimo de R$ 40 milhões para explorar comercialmente o local por um prazo de 25 anos. A Leroy Merlin pretende ter uma loja modelo, enquanto o restante dos espaços será configurado para receber outros tipos de comércios, restaurantes, salas de cinemas, serviços e estacionamento. Ou seja, tudo que um shopping tem.

Terreno anexo ao aeroporto de Congonhas que abrigava instalações da antiga Vasp Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Grupo está em busca de investidores

O empreendimento foi orçado em R$ 1,2 bilhão e está na fase de procura de investidores. O projeto é o que está por trás do Fundo de Investimento Imobiliário Congonhas Malls, cuja captação foi aberta há alguns dias pela gestora Integral Brei, especializada em mercado imobiliário. O dinheiro será usado para bancar a obra e pagar o direito de uso do local.

Perfil do projeto deve ajudar captação

O momento de baixo crescimento da economia e juros altos é desafiador para captações. Mas o empreendimento tem particularidades que podem ajudar a convencer investidores. Um deles está na expectativa de um fluxo elevado de visitantes de alta renda, tanto pelos passageiros que transitam pelo aeroporto quanto pelos moradores de bairros vizinhos.

Concorrência direta na região é baixa

PUBLICIDADE

Outro fator é a baixa concorrência direta, uma vez que existem poucos centros de compra de peso na região. O maior por ali é o shopping Ibirapuera, a uma distância de quatro quilômetros de Congonhas (cerca de 20 minutos de carro).

Há um projeto de shopping da Iguatemi a ser construído no terreno pertencente à Cruz Vermelha, na Avenida Moreira Guimarães, a dois quilômetros do aeroporto. Esse sim seria um concorrente direto, mas ele ainda não tem data definida para sair do papel.

Publicidade


Correção: ao contrário do informado inicialmente, o shopping Ibirapuera não pertence à Multiplan. O fundador da empresa, José Isaac Peres, foi o desenvolvedor do projeto, mais tarde vendido.

Esta coluna foi publicada no Broadcast no dia 26/04/2023, às 17h45

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.