Publicidade

Publicidade

General da reserva é nomeado presidente da Postalis por seis meses

Além de Paulo Humberto Cesar de Oliveira, foi nomeado Alexandre Dias Miguel como diretor de Investimentos

Foto do author Lorenna Rodrigues
Por Lorenna Rodrigues (Broadcast)
Atualização:

BRASÍLIA - O general da reserva Paulo Humberto Cesar de Oliveira foi nomeado o novo presidente provisório da Postalis, o fundo de pensão dos funcionários dos Correios. Com o fim da intervenção no fundo, nesta segunda-feira, 23, o militar foi escolhido para chefiar o fundo por seis meses. A Postalis ficou sob intervenção da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) por dois anos e dois meses, decretada depois de seis anos consecutivos de rombos no instituto.

A Postalis ficou sob intervenção da Previcpor dois anos e dois meses Foto: Hélvio Romero/Estadão

Na última sexta-feira, 20, o interventor, Walter Parente, deu posse aos membros provisórios dos conselhos deliberativo e fiscal, que nomearam dois membros da diretoria executiva. Além de Oliveira, foi nomeado Alexandre Dias Miguel como diretor de Investimentos. A diretoria executiva terá então até junho para conduzir um processo eleitoral para a escolha de novos conselheiros e dar posse aos eleitos. Oliveira foi secretário de Pessoal, Ensino e Saúde do Ministério da Defesa até outubro. Antes, foi Comandante Militar do Oeste e Comandante do Estado-Maior do Exército. Chegou a ser cotado para comandante do Exército no início do governo do presidente Jair Bolsonaro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.