Publicidade

Brasil não faz parte da lista de 83 países com problemas no leite em pó

Francesa Lactalis, dona das marcas Parmalat, Batavo, Elegê e Poços de Caldas, fará recall de produtos lácteos para bebês diante do risco de contaminação por salmonela em 83 países

Por Fabrício de Castro

A companhia francesa Lactalis informou ao Estadão/Broadcast que o Brasil não faz parte da lista de 83 países com problemas no leite em pó infantil produzido pela fábrica de Craon, no noroeste da França. A Lactalis é proprietária das marcas Parmalat, Batavo, Elegê e Poços de Caldas.

+Grupo francês Lactalis compra 100% da mineira Itambé

Lactalis, empresa de capital fechado que é uma das maiores produtoras de laticínios do mundo, exporta alimentos para bebês por toda a Europa, África e Ásia Foto: EFE/SEBASTIEN NOGIER

PUBLICIDADE

Em dezembro, a companhia descobriu a bactéria salmonela em lotes do leite produzido em Craon. Até agora, 35 bebês foram contaminados na França, dois na Espanha e há um caso suspeito na Grécia. Em reação, o presidente da Lactalis, Emmanuel Besnier, ordenou o recolhimento de 12 milhões de caixas de produtos em 83 países. A lista completa não havia sido divulgada, mas a assessoria de imprensa da Lactalis na França confirmou que o Brasil não faz parte do grupo de países em risco.  

Na noite de ontem, o secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Luiz Eduardo Rangel, informou ao Estadão/Broadcast que a Pasta não havia recebido nenhuma notificação oficial a respeito de eventuais problemas com os produtos da Lactalis. "Não temos nenhum óbice sobre nossos produtos em questões sanitárias", afirmou.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.