Publicidade

Entenda o que está acontecendo com a Amil

Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS) barrou venda da APS, operadora que controla 337 mil planos de saúde da Amil, para empresa de investimento Fiord Capital

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

BRASÍLIA - Nesta semana, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) barrou a venda da Assistência Personalizada à Saúde (APS), operadora de saúde que controla 337 mil planos de saúde individuais da Amil, para a empresa de investimentos Fiord Capital.

Em entrevista ao Estadão, o diretor-presidente da ANS, Paulo Rebello, afirmou que a operação precisa de mais explicações e que a suspensão não tem prazo para acabar. Entenda o que está acontecendo com a Amil. 

Amil repassou mais de 330 mil planos para a APS; Agência Nacional de Saúde Suplementar barrou venda da APS para a Fiord Capital. Foto: Ricardo Moraes/Reuters - 8/10/2012

PUBLICIDADE

A Amil foi vendida para quem? 

A Amil não foi vendida. Mais de 330 mil planos da operadora foram repassados para outra operadora de plano de saúde, a Assistência Personalizada à Saúde (APS). A operação foi aprovada pela Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS) em dezembro do ano passado. À época da operação, a APS fazia parte do mesmo grupo da Amil, o UnitedHealth Group (UHG), empresa americana que vem reduzindo suas operações no Brasil. 

A ANS barrou a venda da Amil?

A ANS barrou a venda da APS para a Fiord Capital, empresa de investimentos recém-criada e gerida pelo sérvio naturalizado brasieliro Nikola Lukic, para o grupo Seferin & Coelho, que atua na área de gestão de hospitais e para o executivo Henning von Koss, ex-Hapvida, Amil e Medial Saúde.

O argumento da agência é que a entidade só havia autorizado a transferência da carteira de clientes da Amil para a APS, em dezembro do ano passado, mas não tinha dado “ok” para o negócio da APS com a Fiord, que envolve ainda quatro hospitais da Amil, em São Paulo e Curitiba.

Publicidade

Neste mês, a Fiord assumiu o controle da APS, que deixou de fazer parte do grupo UnitedHealth. A APS ainda transferiu sua carteira de planos coletivos (empresariais e por adesão) para outra empresa, a Sobam, que também faz parte do UnitedHealth Group.

O que é a APS?

Operadora de planos de saúde criada em 1999 e que pertencia, até fevereiro, ao mesmo grupo da Amil, o UnitedHealth Group. 

Qual a relação entre Fiord Capital e a APS?

A Fiord Capital está tentando comprar a APS. A situação está “travada” pela ANS. 

A Amil faliu?

Não. Os planos de saúde individuais da operadora foram repassados para a APS. 

Publicidade

Como ficam os clientes que têm plano de saúde da Amil?

Com os clientes repassados para a APS, os direitos dos clientes são mantidos. A nova operadora deve garantir assistência a seus beneficiários no mesmo padrão do contrato com a Amil. Se não o fizer, estará descumprindo o contrato e o usuário pode fazer reclamação à ANS e, não havendo solução, recorrer à Justiça. Mais informações aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.