Publicidade

S&P corta ratings de 15 grandes bancos após mudança de critério

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

A Standard & Poor's rebaixou na terça-feira os ratings de crédito de 15 grandes bancos, principalmente nos Estados Unidos e Europa, como resultado de uma ampla revisão do critério para dar as notas. JPMorgan Chase, Bank of America, Citigroup, Wells Fargo, Goldman Sachs, Morgan Stanley, Barclays, HSBC Royal Bank of Scotland e UBS estão entre os bancos cuja classificação a S&P cortou em um nível. A agência manteve a classificação de 20 bancos e elevou os ratings de dois ao anunciar o resultado do novo critério para qualificar as 37 maiores instituições bancárias do mundo. A agência também atualizou a classificação de dezenas de subsidiárias bancárias das companhias. A S&P rebaixou a classificação do banco espanhol BBVA de A+ para AA- e manteve a perspectiva negativa. A agência deixou sem variações o Santander, mas rebaixou algumas de suas filiais, como Santander Brasil, Santander Consumer Finance, Santander Holdings USA e Sovereign Bank.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.