PUBLICIDADE

Opinião|Reciclar uniformes escolares colabora com o meio ambiente e promove consciência social

Colégio Marista Arquidiocesano realiza no dia 19 de janeiro um Bazar de Uniformes; valor arrecadado será destinado a instituições sociais 

PUBLICIDADE

A reciclagem de uniformes é uma prática sustentável que contribui para a redução do desperdício e a promoção da reutilização de recursos.

Incentivar a reciclagem dos uniformes não apenas ajuda a preservar o meio ambiente, mas também promove uma cultura de responsabilidade social e compartilhamento dentro da comunidade escolar.

No dia 19 de janeiro, das 8h às 17h, o Colégio Marista Arquidiocesano promove o tradicional Bazar de Uniformes, em que as peças são vendidas pelo valor simbólico de R$ 15,00. Os valores arrecadados serão destinados às Escolas Sociais Maristas, que atendem crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

 

 (Imagem: Acervo Colégio Marista Arquidiocesano)

Publicidade

Confira algumas ideias e passos sugeridos pela direção do Colégio Marista Arquidiocesano para reciclar os uniformes escolares:

Programas de troca

Incentive programas de troca de uniformes entre os estudantes, onde peças em boas condições possam ser trocadas ou doadas.

Bancos de uniformes na escola

Estabeleça bancos de uniformes dentro da escola, onde os estudantes podem depositar uniformes que não precisam mais e outros podem pegar peças necessárias.

Publicidade

Oficinas de costura

Organize oficinas de costura para transformar uniformes mais antigos ou grandes demais em tamanhos adequados. Isso pode prolongar a vida útil das peças.

Reciclagem de tecidos

Caso os uniformes estejam muito desgastados para serem reutilizados, considere a reciclagem dos tecidos. Empresas especializadas podem transformar esses tecidos em novos produtos.

Opinião por Natália Venâncio
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.